sábado, 27 de fevereiro de 2010

Ok, Ok!! Veeeeeja!

Você seria capaz de cumprimentar o cara com quem sua mulher te traiu? Mesmo que ele fosse um antigo amigo seu? Mesmo que ele estivesse numa situação de hierarquia que lhe cobrasse uma conduta exemplar na época do “acidente”? Com a cena sendo transmitida para o mundo inteiro? Difícil hein?



Wayne Bridge, jogador do Manchester City, não foi capaz de tamanho sangue frio ou profissionalismo, ao avistar a mão de seu ex companheiro e capitão nos tempos de Chelsea, Jhon Terry.

Ano passado, vazou para a imprensa a noticia de que a esposa de Bridge, Mônica, e Terry teriam mantido um caso nos tempos em que Bridge ainda defendia o time londrino. A noticia ganhou repercussão, Bridge terminou seu relacionamento com ambos: Divorciou-se de Mônica e ainda “virou a cara”, “ficou de mal” ou o que vocês preferirem com relação a Terry. Mais radical ainda, Bridge pediu para não ser mais convocado para a seleção inglesa, afim de evitar o convívio com Terry.

Nota importante: Meses depois, vazou a noticia de que Terry não foi o único do time a sucumbir aos encantos da moça, fazendo com que Mônica ficasse conhecida como “a garota do Chelsea”.

Hoje, pela primeira vez depois dos acontecimentos, ambos se encontraram.
Perfilados, os dois times se cumprimentavam antes do inicio da partida. O Chelsea, de Terry, que já havia dito que se desculparia pelos acontecidos, parado, enquanto cumprimentavam o time do City, que passava em fila indiana ao seu lado.

Chegou o tão esperado momento. Terry e Bridge, Bridge e Terry.
Terry estende a mão. Bridge passa direto e cumprimenta o próximo jogador, deixando Terry lá, com a mão estendida, numa cena constrangedora. O estádio vai abaixo em aplausos, vaias e provocações a ambos os jogadores.

Tudo que os tablóides ingleses mais queriam, é logico. Provavelmente amanha a cena estará na capa das revistas de fofoca de todo o reino unido, no lugar das fotos de famosos saindo de festas. Se fosse aqui no Brasil (Pense em algo como o Ronaldo ficando com a mulher do Roberto Carlos), com certeza seria capa da Caras.

Alias, corre a boca pequena que aconteceu algo parecido num dos times grandes de São Paulo um tempo atrás, envolvendo inclusive um jogador da seleção brasileira. Mas é melhor eu parar por aqui, enquanto é tempo, pois estou começando a gostar desse negócio de fofocar no blog...

Um comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails